Canal Ferro comunicação Eventos Florianópolis Foto do dia Meio Ambiente

Seminário nesta quinta-feira (23) marca lançamento do Projeto Rios em Florianópolis

Seminário

O Seminário abordará aspectos científicos e práticos do Bioma Mata Atlântica e sua relação com a água no Estado. A primeira conferência, “Biomas da Mata Atlântica e Águas”, será conduzida pelo professor Dr. Ademir Reis. A segunda atividade é a apresentação da metodologia do Projeto Rios, com Fernando Anísio Batista, da Ação Social Arquidiocesana (ASA). O professor Dr. Márcio Cardoso fala sobre o Plano Estadual de Recursos Hídricos à tarde, e logo após acontece a Oficina do Projeto Rios, tendo como painelistas Aline Luiza Tomazi; Isadora Zinnke, Tiago Manenti Martins e William Wollinger Brenuvida.

Além do Seminário, uma Oficina do Projeto Rios está programada para o sábado (25), na Lagoinha Pequena (Av. Campeche – Florianópolis). No local, as pessoas podem aprender métodos práticos de avaliação da qualidade da água e das condições ambientais dos rios, além de informações sobre como organizar o projeto na sua comunidade.

Projeto Rios

Implementado na Espanha, França e Portugal há mais de uma década, o Projeto Rios é baseado no envolvimento voluntário da sociedade no diagnóstico, recuperação, preservação e fiscalização de trechos dos rios.

Para atingir os objetivos do projeto em Santa Catarina pretende-se envolver comunidades e grupos organizados na luta pela preservação dos rios. A ideia é alcançar resultados expressivos na fiscalização e na recuperação dos rios, com a despoluição e retomada das condições naturais do manancial hídrico.

Cada comunidade pode organizar atividades como visitas aos rios para coleta de amostras e avaliação das ameaças, formação de monitores, ações de limpeza e conservação, conscientização de crianças e jovens, entre outras propostas de atuação em favor do rio.

A realização é do Fórum para Preservação do Aquífero Guarani e das Águas Superficiais, Escola do Legislativo, Comissão de Turismo e Meio Ambiente, Assembleia Legislativa, com o apoio da CNBB Sul 4, Cáritas, Arquidiocese de Florianópolis, Escoteiros de Santa Catarina e Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB).

Fotos: Antonio Carlos Mafalda